Estudantes do Distrito Federal vão às urnas

Estudantes do Distrito Federal vão às urnas

eje9876

 

 

Como parte do programa social Eleitor do Futuro, que têm como objetivo incentivar a juventude ao alistamento eleitoral e ao voto consciente, 43 mil alunos de escolas públicas e particulares do DF foram às urnas nesta quarta-feira (20),  e tiveram a oportunidade de participar de suas primeiras eleições.

O programa, realizado pela Escola Judicíaria do Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal,  é desenvolvido, desde 2004, nas Escolas Públicas e Particulares, despertando, nos alunos participantes, reflexões acerca dos seus direitos em um contexto social e interdisciplinar. Existe um Termo de Cooperação Mútua oficializado entre o TRE-DF e a Secretaria de Educação do DF.

O grande desafio do Programa consiste em fazer a inclusão social, política e econômica dos jovens que estejam com idade entre 10 e 18 anos, de forma que eles tenham uma participação política consciente, livre e democrática.

Assim, por meio de palestras, distribuição de livretos educativos, debates acerca de temas de políticas públicas e da formação de partidos políticos pelos estudantes, são discutidas proposições de grande alarido social, tais como: Drogas e Sexo na Adolescência, Exploração Sexual Infantil, Violência Doméstica, o Trabalho Infantil e a importância do Esporte como fator de Inclusão Social. Ressalta-se que o desenvolvimento do Programa, no tocante principalmente à campanha eleitoral e ao voto, guarda grande semelhança com o pleito oficial.

Dessa forma, os alunos organizam-se em grupos, defendem suas propostas, recebem treinamento de mesários, título fictício de “Eleitor do Futuro” e, em dia previamente determinado, ocorre a eleição parametrizada com o uso da urna eletrônica.

Após a divulgação do resultado, os partidos vencedores são convidados à cerimônia de diplomação, no TRE-DF, cuja outorga cabe ao Presidente do TRE-DF.

Últimas notícias postadas

Recentes